Saúde

Hospital estimula doação de leite materno para recompor estoque

Hospital
23/01/2015 10:05:00

Número de doadoras diminuiu na época de verão e férias

O leite materno é fundamental para os bebês prematuros que lutam pela vida na UTI Neonatal do Hospital Materno Infantil Presidente Vargas (HMIPV), instituição referência neste tipo de atendimento no sul do país. O Banco de Leite do hospital, setor que vem recebendo premiações nacionais pelo modelo de captação de doações que criou, enfrenta hoje uma queda ameaçadora nos estoques. Desde outubro, as doações vem diminuindo. A situação piorou com a chegada do verão e das férias. Em outubro, o banco recebeu 89 doadoras, que forneceram 34,2 litros de leite materno. A equipe do setor montou um esquema que facilita a vida de quem quer doar: “As enfermeiras vão até a casa da doadora e fazem a coleta. Mas, antes, avaliam o histórico da mãe, analisando os exames pré-natais e todos os dados clínicos, e ainda as condições em que transcorreu a gestação”, conta Marielen Mossoi, integrante da equipe. A doadora então passa a fazer parte do cadastro do Banco de Leite. O leite coletado é enviado para análise no laboratório do próprio hospital e só depois é liberado para os bebês da UTI. Para doar, basta entrar em contato com o Banco de Leite do Hospital Presidente Vargas pelo número 3289.3334 e fornecer os dados para que a equipe vá até onde a doadora está. Também é possível ir diretamente ao hospital e procurar o setor. O HMIPV fica na av. Independência 661, esquina com a rua Garibaldi.

Anuncie no Jornal Via Norte, clique e saiba mais.