Cidade

MRV adota Parque Marechal Mascarenhas de Moraes

MRV
31/01/2019 09:54:57

 

Em evento no Parque Marechal Mascarenhas de Moraes, localizado no encontro das avenidas José Aloísio Filho e Palmira Gobbi, no bairro Humaitá, a empresa MRV Engenharia formalizou nesta quarta-feira, 30, a adoção do espaço. A adoção do parque terá prazo de 12 meses, podendo ser prorrogada por igual período. O valor anual do investimento é de R$ 180.160,06 e inclui cortes e plantios de grama, colocação de saibro rosa, conserto dos bebedouros e repintura de diversos mobiliários. (fotos)

Paralelamente, a adotante está realizando algumas melhorias não previstas, como a colocação de coberturas nas churrasqueiras. “Uma empresa não pode simplesmente entrar num município, fazer seu empreendimento e dar as costas à cidade. Nós queremos melhorar a vida das pessoas como um todo. Esta adoção é um ato voluntário e com muito orgulho vamos contribuir para qualificar a cidade”, destaca o diretor de produção da MRV, Half Sade Haddad.

O prefeito em exercício Gustavo Paim enalteceu a atitude da empresa: “Há uma necessidade muito grande de uma parceria entre o poder público e a iniciativa privada. Parabéns por permitirem que o cidadão de Porto Alegre aproveite o parque da forma que merece, com segurança e com qualidade de vida”. O secretário do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, Maurício Fernandes, destacou características da área verde de 18,3 hectares. “Temos aqui uma área de preservação ambiental com 8 hectares de banhado, 85 espécies de avifauna e ainda áreas de lazer e de recreação”.

A parceria com a iniciativa privada foi viabilizada a partir das secretarias municipais do Meio Ambiente e da Sustentabilidade (Smams), de Parcerias Estratégicas (SMPE) e de Serviços Urbanos (SMSurb).Como contrapartida, a MRV poderá instalar conjunto de placas de sinalização visual na área adotada, de natureza institucional, sem exploração comercial, nos termos do art. 7º da Lei Complementar nº 618/2009.

“O parque se localiza em importante região do 4º Distrito. Aqui foi o berço da industrialização de nossa cidade e estamos trabalhando para encerrar um ciclo de degradação, com diversos projetos de revitalização”, explica o secretário de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário.

Estiveram presentes no ato de assinatura do Termo de Adoção o secretário de Comunicação, Orestes de Andrade Jr., o vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Reginaldo Pujol; o presidente da Associação de Moradores do bairro Humaitá, Ronaldo Floriano; representantes da Brigada Militar; o presidente da Associação das Empresas dos bairros Humaitá e Navegantes, Luiz Carlos Camargo; gestor do Centro de Relações Institucionais e Participativas (Crip) Navegantes-Humaitá, Ermínio da Costa Lima; conselheiros do Orçamento Participativo e conselheiros tutelares.

Programa de Adoções - O termo de adoção permite a instituição a instalação de placas de sinalização, de natureza institucional, sem exploração comercial. As propostas para adoções de praças podem ser apresentadas por qualquer pessoa jurídica, inclusive podem propor parcerias de grupos de pessoas jurídicas para uma única praça, dividindo o custo de manutenção. Mais informações podem ser solicitadas no e-mail programa_adote@portoalegre.rs.gov.br. Atualmente, existem cerca de 70 áreas adotadas.

O edital de Chamamento Público para adoção do parque Marechal Mascarenhas de Moraes foi publicado no Diário Oficial de 25 de outubro e o prazo para apresentação das propostas encerrou-se em 26 de novembro.

Anuncie no Jornal Via Norte, clique e saiba mais.