Saúde

Certificado internacional de vacina já pode ser emitido online

04/02/2019 09:38:38


Desde o dia 29 de janeiro todas as pessoas interessadas podem solicitar a emissão do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia contra febre amarela (CIVP) na internet, sem necessidade de deslocar-se a um posto de atendimento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Para fazer a solicitação, o viajante deve ter - ou fazer - cadastro no Portal de Serviços do Governo Federal e seguir um passo a passo, apresentado a seguir. Além disso, serão necessários dados comprobatórios da vacina recebida. Alguns países exigem a apresentação do CIVP. Para outros, há recomendação da vacina para entrada no território. A lista desses países está no site da Anvisa.

Os navegadores recomendados pela Anvisa para emissão do CIVP são Chrome, Firefox, Safari e Microsoft Edge. A solicitação também pode ser feita em dispositivos móveis (iOS e Android), os navegadores recomendados são: Chrome, Firefox e Safari.

O passo a passo:

1º passo: Cadastramento no Portal de Serviços do Governo Federal

− Acesse a página www.servicos.gov.br
− No canto superior direito clique em ENTRAR / CADASTRAR
− Na tela seguinte clique em CADASTRAR
− Informe CPF, nome completo e e-mail, digite os caracteres exibidos e clique e CONTINUAR

Na tela seguinte responda as informações solicitadas e clique em continuar. Uma solicitação de confirmação será enviado para o e-mail cadastrado. O cidadão deverá abrir o seu e-mail e clicar no link recebido através do seu e-mail e criar uma senha.

2º passo: Fazer a solicitação de emissão do Certificado Internacional de Vacinação

− Acessar a página www.servicos.gov.br
− No canto superior direito clique em ENTRAR
− Fazer login com o CPF e senha cadastrada
− Em seguida digitar a solicitação do serviço “Certificado Internacional de vacinação”
− Clicar no botão “Solicitar”
− Preencher os dados pessoais
− Anexar arquivo de imagem ou cópia digitalizada do documento oficial (passaporte, carteira de identidade ou certidão de nascimento)
− Preencher os dados da vacina (lote, data da aplicação da vacina)
− Anexar arquivo de imagem ou cópia digitalizada do comprovante de vacinação nacional com os dados completos (nome completo do cidadão, nome da unidade onde foi aplicada a vacina, identificação da vacina, data da vacina, nome do fabricante da vacina, número do lote da vacina e assinatura do vacinador).

Após preencher os dados e anexar os arquivos, o cidadão deverá finalizar e encaminhar a solicitação para análise. Nesse momento o cidadão receberá um e-mail informando que o seu pedido foi recebido com sucesso e que deverá aguardar até 5 dias úteis para o recebimento do resultado.

Dentro desse período o cidadão receberá um email com o seu resultado que poderá ser: deferido, indeferido e ou exigência. Quando deferido o cidadão receberá um email com um anexo em pdf do certificado que deverá ser impresso em folha de papel A4 e posteriormente assinado conforme documento oficial. Caso seja feito exigências ou indeferido o cidadão deverá seguir as orientações do analista pelo email recebido e reenviar para análise.

Vacina na rede municipal - A vacina contra febre amarela está disponível nas salas de vacina abertas da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em horários diferenciados. Todas as salas têm oferta de segunda a sexta no turno da manhã. As unidades referência atendem nos seguintes horários:

Manhã e tarde
Vila dos comerciários – 8h às 17h
Iapi – 8 às 12h e 13h às 17h
Santa Marta – 8h às 14h
Santa Cecília – 8h às 17h
Restinga – 8h às 17h
Nova Brasília – 8h às 17h
Bom Jesus – 8h às 17h
Chácara da Fumaça – 8h às 17h

Horário estendido
São Carlos – 7h às 22h
C.S. Modelo – 8h às 22h
Tristeza – 8h às 21h

 

Anuncie no Jornal Via Norte, clique e saiba mais.